Paróquia Nossa Senhora da Purificação comemora 224 anos de existência

É com muita alegria e com o coração grato a Deus que os fiéis louvam e agradecem pela existência da Paróquia Nossa Senhora da Purificação. Por onde já passou tantos sacerdotes, religiosos e religiosas, leigos e leigas, pessoas que dedicaram e que dedicam suas vidas a serviço do Evangelho.

A história do Prado está intrinsecamente ligado à História do Brasil, isto porque, conforme estudos detalhados pela Fundação Quadrilátero do Descobrimento, o Brasil foi descoberto em 1500, quando a esquadra portuguesa, tendo avistado do alto mar o Monte Pascoal, se aproximou da foz do Rio Cahy, onde os portugueses tiveram os primeiros contatos com os índios que habitavam a nova terra descoberta.
O Frei Samuel Tetteroo – OFM, afirma que “durante os cinquenta primeiros anos, os franciscanos foram os únicos religiosos que chegaram ao Brasil, a fim de evangelizar, e com todo zelo se aplicaram à evangelização do Santo Evangelho.

De acordo com o grande cronista franciscano, Frei Antônio de S. Maria Jaboatão, “diversos missionários franciscanos morreram em travessia de rios perigosos e alguns deles foram assassinados. Mais tarde, em 1549, chegaram também missionários jesuítas e outras levas de franciscanos, ambos construindo conventos, igrejas, capelas, reunindo índios em aldeias.” (Frei Samuel em “A Ordem dos Frades Menores no Brasil, p.1,10)

Diante deste fato histórico, podemos afirmar que o sentido da religiosidade foi aí confirmado quando na região do descobrimento, entendida como Prado, Porto Seguro e Santa Cruz de Cabrália (Ilha de Vera Cruz), foi fincada uma cruz, símbolo do Cristianismo, e rezada a primeira Missa no Brasil pelo Frei Henrique Soares de Coimbra.

O Capitão-mor João da Silva Santos descreve a região do Sul da Bahia (1803) e, na oportunidade cria a Freguesia Nossa Senhora da Purificação – Prado, ao dizer “A Igreja Matriz é nova, ainda que de madeira e taipa a mão, está vistosa e decente. Fundada no fim da Freguesia (vila) da parte Oeste com frontispício para o leste.”

A data da elevação a Freguesia e portanto com título de padroeira de Nossa Senhora da Purificação se deu em 20-10-1795.

Acredita-se que os altares vieram pré-fabricados de Portugal, como também parecem ter vindo de lá as imagens mais antigas : Nossa Senhora da Piedade; O menino Jesus em pé; São João Batista; Nossa Senhora do Rosário; Nossa Senhora das Dores.

Referência: Livro “PRADO: Da Freguesia aos tempos atuais”.

Por: Pascom Prado

FOTOS POR PASCOM

Post Author: Juliana.Pascom